Regulamento da AC

 

REGULAMENTO DAS ATIVIDADES COMPLEMENTARES

CAPÍTULO I

Art. 1º. Os discentes do curso de Graduação da Faculdade deverão cumprir nos termos da matriz curricular em vigor, aprovada para esta Instituição de Ensino Superior (IES), uma carga horária mínima postulada na matriz curricular de cada curso de graduação de horas de atividades complementares, exigidas pelas normativas brasileiras vigentes, sob pena de não conclusão do curso e não obtenção do título de graduação.

Art. 2º. A carga horária supracitada deverá ser alcançada no decorrer do curso, portanto a partir do primeiro semestre letivo, podendo ser integralizada com:

I – participação em pesquisas, palestras, conferências, simpósios, seminários e iniciação científica;

II – cumprimento de disciplinas não incluídas no currículo pleno, cursadas na IES;

III – prestação de serviços à comunidade, sendo que estes deverão estar relacionados com as diretrizes curriculares do curso;

IV – atividades de extensão;

V – monitoria;

VI – produção científica;

VII – estudos complementares de livros, filmes e outras peças de acervo, indicados pela coordenação do Curso e homologados pelo CONSEPE;

VIII – resolução de estudos de casos, elaborados pelo corpo docente e coordenação do curso e homologados pelo CONSEPE;

Art. 3º. As normativas dos estudos complementares de livros, filmes e outras peças de acervo serão apresentadas pela coordenação do curso e homologadas pelo CONSEPE.

Art. 4º. Os estudos complementares de livros, filmes e outras peças de acervo, indicados para atividade complementar, serão validados através da sustentação oral seguida de uma das modalidades abaixo:

I – avaliação em prova escrita;

II – resenhas críticas;

III – resumos informativos;

IV – artigo científico, e.

V – outras.

Art. 5º. Os estudos de casos serão elaborados seguindo um padrão de questionamentos e respostas, e suas normativas serão apresentadas pela coordenação do curso e homologadas pelo CONSEPE.

Art. 6º. Os estudos de casos indicados para atividade complementar serão validados através da sustentação oral seguida de uma das modalidades abaixo:

I – Relatórios (pergunta e resposta), e

II – outras.

Art. 7º. O controle do cumprimento das atividades complementares é de inteira responsabilidade do aluno, a quem cabe:

I – Baixar do Site da Faculdade as orientações e registro de atividades complementares;

II – Comprovar as atividades registradas com declarações ou certificados, apresentando o original acompanhado das devidas cópias;

IV – Cumprir todas as instruções para o preenchimento dos dados do Formulário de Registro de Atividades Complementares da Faculdade.

Art. 8º. Os alunos poderão participar de palestras, conferências, simpósios, seminários e outras atividades, independentemente do evento ser realizado pela Faculdade, desde que tratem de assuntos referentes à área do curso ou que possuam temática ligada a esta.

Parágrafo Único. A validade da atividade, caso haja dúvida sobre a afinidade com o curso, será resolvida pela Coordenação do Curso e CONSEPE.

Art. 9º. A carga horária a ser creditada ao aluno, por sua participação em seminários, simpósios, congressos e conferências, será declarada nos respectivos comprovantes.

Art. 10º. As atividades de extensão, promovidas pela Faculdade, serão controladas através de lista de presença e/ou ficha de controle individual de frequência do aluno e, posteriormente, emissão de certificado pela Secretaria Acadêmica.

Art. 11º. As atividades de extensão, realizadas através de convênio da Faculdade com Instituições Públicas ou Privadas, serão comprovadas através de certificado ou declaração emitida pela instituição cedente, descrevendo o período de realização da atividade e a carga horária cumprida.

Parágrafo Único. A Instituição Conveniada emitirá, semestralmente ou em tempo inferior, certificado ou declaração descrita no caput deste artigo.

Art. 12º. Na atividade de monitoria será emitido certificado ao discente constando o período do exercício das atividades e a carga horária cumprida.

Art. 13º. Tratando-se de atividade de iniciação científica, o projeto de desenvolvimento deverá ser anexado e a carga horária a ser computada será fornecida pelo professor responsável através de relatório.

Art. 14º. A integralização de disciplinas não incluídas no currículo pleno e a participação em cursos de extensão deverão ser comprovadas por atestado ou certificado, com a respectiva carga horária.

Art. 15º. Quanto à produção científica, estudos complementares de livros, filmes e outras peças de acervo e resolução de estudos de casos, o aluno fará jus ao registro de horas de atividade, conforme tabelas elaboradas pela coordenação de curso e homologadas pelo CONSEPE.

Art. 16º. As atividades complementares também poderão ser cumpridas nos núcleos, laboratórios e ambientes multidisciplinares da Faculdade, onde existirá uma ficha de controle individual do aluno, na qual constarão o dia, a hora e tempo de cumprimento das atividades.

Parágrafo Único. Semestralmente, os setores citados no caput deste artigo emitirão documento com a quantidade de horas cumpridas pelo discente e encaminharão à secretaria acadêmica para emissão de certificado.

Art. 17º. Outras atividades relacionadas ao curso poderão ser realizadas pelos alunos, desde que tenham projetos aprovados pela coordenação de curso e homologação do CONSEPE, a quem caberá determinar a carga horária a ser registrada.

Art. 18º. Não é permitido ao discente o cumprimento integral de sua carga horária em uma única atividade, ainda que esta tenha sido realizada por período superior à determinada na matriz curricular do curso.

Parágrafo Único. A carga horária de uma atividade não poderá ultrapassar o limite de 50% (cinquenta por cento) das horas, devendo as demais horas serem cumpridas por meio de outras atividades complementares descritas nesta normativa.

Art. 19º. A entrega dos documentos comprobatórios ocorrerá até o último dia letivo do último período do curso.

Parágrafo Primeiro. Caso seja entregue o documento, mas sem o comprovante da realização de qualquer das atividades descritas, considerar-se-á que esta não foi realizada, isto é, a carga horária cumprida pelo discente na atividade complementar não comprovada, não será computada na quantidade de horas.

Parágrafo Segundo. O prazo da entrega das atividades deverá ser observado pelo discente, sob pena de atraso e/ou não colação de grau por este, vez que as atividades complementares descritas neste regulamento são obrigatórias e levadas em consideração na carga horária final a ser atendida pelo discente para integralização do seu curso.

Art. 20º. Este Regulamento entrará em vigor, após a aprovação pela Diretoria Geral e CONSEPE, revogadas as disposições em contrário.

 

REDES SOCIAIS

   


Nossas Unidades


Unidade Planaltina-DF
Departamento de Controle Acadêmico - DCA
(61) 3388-0809
(61) 99861-8800
atendimento@unideal.edu.br
Av. Independência – SCC Quadra 01
Bloco C - Edifício Plaza
Planaltina-DF, CEP:73310-303

Unidade Alto Horizonte - GO
Departamento de Controle Acadêmico - DCA
(62) 3383-3006
(62) 98221-3099
atendimento@unideal.edu.br
Avenida Osmar Rosa da Silva,
esq. c/ Rua Belém, Setor Sul
Alto Horizonte-GO, CEP: 76560-000

Faculdade Ideal – Unideal | Ideal é ter você!
2018 - Todos os direitos reservados.
Voltar ao topo